Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

Importante - Encontrado no Guincho, cadáver está preso nas rochas

Rebentação violenta e perigosa impediu resgate Polícia Marítima e os bombeiros voluntários do concelho de Cascais não sabem ainda se se trata do cadáver de um homem ou de uma mulher nem em que circunstâncias foi lá parar – vítima de crime ou não. Mas a verdade é que foram alertados no sábado, já perto das seis da tarde, para a existência de um corpo entalado entre um fundão e uma rocha a norte do Cabo Raso, no Guincho.

O cadáver – já em avançado estado de decomposição – foi descoberto cerca das 15h30 por um indivíduo que praticava caça submarina e que apanhou – comentavam os pescadores – “um susto de morte”. Os bombeiros só foram no entanto requisitados ao final do dia. O Sol já se tinha posto e a fraca visibilidade adiou a operação de resgate, que acabou por se iniciar ontem, pelas 09h00. Entre cigarros e definições de estratégias, os bombeiros iam contabilizando os minutos de acalmia, na esperança de que a descida da maré lhes permitisse resgatar o corpo. Mas as tentativas mostraram-se frustradas ao final do dia. “É um trabalho moroso e de muita paciência. A rebentação é demasiado violenta e não há condições de segurança para os mergulhadores”, diz ao CM João Loureiro, comandante dos bombeiros de Cascais.
A lancha da Polícia Marítima circundou a área, para o caso de o corpo se soltar com a rebentação. Tal não aconteceu e os bombeiros vão ter de continuar a tentar resgatar o corpo nos próximos dias num mar violento.

NO MAR HÁ MAIS DE UM MÊS
Segundo apurou o Correio da Manhã no local, o cadáver – em avançado estado de decomposição – estará no mar há mais de um mês. Fonte dos bombeiros do concelho de Cascais adiantou que só são visíveis as pernas do cadáver, os fémures estão à mostra e o corpo já não tem pés. Há suspeitas de que este corpo possa ser o mesmo que um grupo de surfistas tentou resgatar na praia do Guincho há mais de um mês.
Um pescador de caça submarina – que se dedica à actividade há quarenta anos – garante que esse cadáver nunca foi encontrado porque os surfistas não alertaram as autoridades. Preferiu comentar este facto sob anonimato, alegando que não quer problemas com ninguém.
A identidade e o sexo da pessoa em causa são por enquanto desconhecidos. Nos últimos quatro meses não há, asseguraram as autoridades, relatos de quedas ao mar ou de pessoas que tenham desaparecido na zona do Guincho.

in http://www.correiomanha.pt/

por Ângela Lopes

foto Natália Ferraz

publicado por paulozananar às 10:03
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. Curiosidades - Atraso de ...

. Importante - 'Homejacking...

. Curiosidades - Professore...

. Escola - Ministra rejeito...

. Curiosidades - Descoberta...

. Rali- Rali do Japão

. Saúde - Aftas O que as pr...

. Importante - Investigador...

. Importante - FIM aprova A...

. Ralis - Oportunidade de o...

.arquivos

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. curiosidades

. desporto

. desporto motorizado

. desportos motorizados

. escola

. importante

. informação

. nutrição

. ralis

. saúde

. todas as tags

.links

Online Casino
Slot Machines
Como está o Blog?
Melhor
Igual
Pior
Interessante
Pode melhorar
Não tenho opinião
  
Free polls from Pollhost.com
blogs SAPO

.subscrever feeds