Segunda-feira, 5 de Março de 2007

Nutrição - Comida Rápida, Saudável - e portátil se quiser levar consigo!

 

 Ideias de Comida Rápida, Saudável - portátil se quiser levar consigo.

Atenção que há muito graus de "saudável"; o que é apresentado aqui são ideias que podem ser modificadas para serem ainda mais saudáveis.
Por exemplo, se se incomodar com a utilização de feijões enlatados, pode prepará-los tradicionalmente - que ficarão mais saudáveis mas mais demorados.

O truque aqui é ter sempre em casa os ingredientes para depois "montar" qualquer coisa rápida e saudável para comer: sandwiches, pizzas, saladas, arrozadas, massadas... Também ajuda ter legumes preparados e bem guardados no frigorífico pronto a serem utilizados.

Tenha também arroz e massa prontos em quantidades alargadas, para ter essa base sempre pronta. Ou seja, organize-se pelo menos um dia por semana, e depois tudo correrá mais facilmente!

 

Ideias de ingredientes para sandwiches:
- queijo cabra, rúcula e tomate
- salmão fumado, queijo philadelphia e tomate
- manteiga/pasta de amendoim
- queijo, tomate e oregãos
- queijo fresco e alface (a alface bem seca evita que o queijo toque no pão e o amoleça)
Pode variar o pão: de centeio, pita, integral, tradicional... Pode fazer tostas opcionalmente.

Esparguete Al Dente Com Molho De Tomate e Verduras

  • Alho, 1 cebola – alourar num pouquinho de azeite ou óleo de soja/girassol
  • Azeitonas pretas picadas (4/pessoa)
  • Bróculos e courgettes (préviamente cozinhados a vapor)
  • Cogumelos laminados (de lata)
  • Polpa de tomate e 1 tomate fresco cortado (de lata)

Envolver as verduras todas numa frigideira, ou wok, anti-aderente enquanto prepara o esparguete (cozer durante 6-7 minutos ou até estar al dente, ou seja ainda trincante "ao dente"; deitar um grande copo de água fria para dentro da panela para parar cozedura, ou escorrer logo).

Exemplos de Pizza ou mini-Pizzas / Pizza Vegetariana Colorida
Ao pão pita (mini pizza)... ou às bases feitas de pizza adicionar:

  • Pimentos verdes, encarnados e amarelos
  • Bróculos
  • Chalotas, ou cebola, e alho
  • Molho de tomate (polpa que sobrou do esparguete)
  • Queijo magro ou meio gordo (25% Matéria Gorda)
       

    Preparar as verduras antes de as colocar na base (saltear ou cozer a vapor). Espalhar o molho de tomate na base; pôr as verduras por cima e levar ao forno com um pouquinho de queijo a derreter por cima, até a base estar pronta (massa fica alourada).

    Arroz Com Feijão Preto e Tomate

    • Arroz integral ou basmati (já cozinhado)
    • Feijão preto de lata, escorrido
    • Cebola e coentros picados
    • Tomate cortado em pedaços pequenos
    • Lima

    Saltear o feijão preto com a cebola e os coentros. Temperar o tomate com sumo de lima, e acompanhar o feijão e o arroz.

    Outras ideias:

    • Atum com feijão frade/grão (tudo da lata) + salada de tomate e coentros/salsa
    • Omelete de espargos/etc. ou simples + legumes (misturas congeladas de quiser) + Arroz (já feito)
    • Saladas várias – alface frisada/rúcula (já lavadas), milho (lata), tomate cereja (só passar por água), agriões/espinafres (já lavados) + grão (da lata)+ 2-3 tostas de centeio

    Muito bom apetite!

    Texto da autoria da Nutricionista Dra. Madalena van Zeller Muñoz


    Formada em Ciências Alimentares pela Universidade da Califórnia, em Dietética, pela Universidade do Kansas State, e tem também um M.B.A.
    Foi distinguida com vários prémios pelo trabalho desenvolvido academicamente.
    Actualmente colabora com os ginásios Holmes Place (Body Inside Out) e Clínica Longaevitas.
    Membro da American Dietetic Association.
  • publicado por paulozananar às 17:52
    link do post | comentar | favorito

    Importante - O Centro de Formação "Educação Rodoviária e Cidadania"

     InícioO Centro

    A Educação Rodoviária é um processo de formação ao longo da vida do cidadão como passageiro, peão e condutor, que implica o desenvolvimento de competências que permitam viver em segurança no ambiente rodoviário, assim como o desenvolvimento de atitudes e valores como o respeito, a responsabilidade e a tolerância enquanto componentes essenciais da educação para a cidadania.
    Ainda que seja possível constatar um interesse crescente da sociedade pela Educação Rodoviária, verifica-se, igualmente, a existência de obstáculos à sua integração no sistema educativo, nomeadamente:

    a) a predominância de uma perspectiva essencialmente teórica;
    b) a inexistência de material didáctico;
    c) a insuficiente formação inicial e contínua dos docentes.

    O Centro de Formação "Educação Rodoviária e Cidadania", certificado pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua, em Setembro de 2000, foi criado para enfrentar estes obstáculos.

    O Centro de Formação conta, actualmente, com uma bolsa de seis formadores e tem vindo a desenvolver as suas actividades no sentido de conseguir a progressiva integração, ao longo do ano lectivo, de temas da Educação Rodoviária na Educação Pré-Escolar, Ensino Básico e Secundário.

    Modalidades de formação

    Na modalidade curso adquirem-se conhecimentos, capacidades e competências, no sentido de promover a auto-formação e a inovação educacional no domínio da segurança e educação rodoviárias.

    Na modalidade oficina desenvolvem-se competências ao nível do saber-fazer prático e processual, tendo em vista a produção de materiais concretos em conformidade com temas centrais de educação rodoviária.

    Na modalidade projecto desenvolvem-se metodologias de investigação-formação centradas na realidade rodoviária da vida escolar e/ou comunitária, no território educativo.

    Contactos
    Estrada da Luz, N.º 90 - 1.º
    1600-160 Lisboa
    Tel.: 210 036 641
    Fax: 210 036 649
    Email:
    dae@prp.pt

    publicado por paulozananar às 17:02
    link do post | comentar | favorito

    Curiosidades - Extremistas iraquianos prometem raptar filho mais novo de Carlos e Diana

    Príncipe Harry recebe ameaças

     

    O Príncipe Harry ainda não partiu para o Iraque, mas já foi alvo de várias ameaças. O jornal britânico The Sun publica na edição de hoje as ameaças descobertas em vários sites de grupos extremistas. Os guerrilheiros prometem raptar e assassinar o filho mais novo de Carlos e Diana.

    Foi a insistência de Harry que convenceu os comandantes do Exército britânico a aceitarem a integração do príncipe num dos contingentes enviados para o Iraque.

    O filho mais novo de Carlos e Diana afirmou que não queria ficar de fora, enquanto os companheiros da Academia de Sandhurst arriscavam a vida no Iraque. Os militares temiam que Harry se transformasse num alvo dos rebeldes e deixasse mais vulneráveis as forças britânicas.

    As ameaças na Internet começaram assim que o destacamento foi anunciado oficialmente.

    Apesar de não garantir a autenticidade das ameaças, o Exército britânico diz estar atento.

    O príncipe e o batalhão onde Harry vai ser integrado vão receber um treino especial para responder a uma tentativa de rapto.

    De acordo com o The Sun, as ameaças foram publicadas em dezenas de sites. Muitos pertencem a grupos desconhecidos, mas alguns já foram usados para reivindicar atentados no Iraque.

    Harry parte para o Iraque em Maio.

    in www.sic.sapo.pt

    publicado por paulozananar às 16:56
    link do post | comentar | favorito

    Saúde - Fiscalização apertada

    Doentes com baixa por mais de 30 dias serão chamados para junta médica

    As baixas de longa duração vão ser alvo de uma fiscalização mais apertada ao longo deste ano. O ministro do Trabalho e Solidariedade Social diz que três em cada quatro baixas vão ser controladas.

    O cerco aperta-se em torno das baixas fraudulentas e quem estiver de baixa por doença por mais de 30 dias será convocado para ser observado por juntas médicas.

    O ministro do Trabalho e Solidariedade Social, Vieira da Silva, garante que a articulação informática entre o Sistema Nacional de Saúde e o da Segurança Social é decisiva neste controlo. O cruzamento de dados já é possível em cerca de três quartos do território nacional.

    No ano passado foram fiscalizados cerca de 117 mil utentes e a Segurança Social poupou quase 9,5 milhões de euros. Para 2007, o Governo prevê fiscalizar cerca de 195 mil beneficiários do subsídio de doença.

    in www.sic.sapo.pt 

    tags:
    publicado por paulozananar às 12:51
    link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

    Escola - Contra a violência na escola

    Ministra quer reforçar AUTORIDADE das ESCOLAS e PROFESSORES e anuncia revisão do Estatuto do Aluno.

    A ministra da Educação quer reforçar a autoridade das escolas e dos professores. Por isso, anuncia que já está em curso a revisão do Estatuto do Aluno. É o que defende Maria de Lurdes Rodrigues num artigo de opinião publicado no jornal Público.

    A indisciplina e a violência nas escolas há muito que preocupam docentes, alunos e famílias. Só o ano passado, registaram-se 390 casos de agressão física a professores, segundo os dados oficiais. Mas muitos há que não chegam sequer a ser contabilizados. A perspectiva de processos intermináveis dá, muitas vezes, a vitória à impunidade.

    Maria de Lurdes Rodrigues considera, por isso, que é preciso "desburocractizar os procedimentos associados à gestão da indisciplina que são excessivamente codificados e desvalorizadores da autoridade do professor, comprometendo a eficiência educativa".

    Nesse sentido já está a ser revisto o Estatuto do Aluno para "reforçar a autoridade dos órgãos de gestão das escolas e dos professores na tomada de medidas disciplinares de carácter educativo".

    No artigo de opinião publicado no jornal Público, a responsável pela pasta da Educação reconhece que "o problema da indisciplina e da incivilidade compromete a qualidade da relação pedagógica entre professores e alunos e impede o desenvolvimento do trabalho e do estudo".

    Ainda no caminho da responsabilização, Maria de Lurdes Rodrigues afirma que será também "reforçada a responsabilidade das famílias pela assiduidade e participação efectiva dos alunos na escolaridade obrigatória".

    Neste contexto defende ainda a necessidade de diferenciar violência e indisciplina para aumentar a eficácia da intervenção e garantir meios de defesa da escola, dos professores e dos alunos.

    in www.sic.sapo.pt

    tags:
    publicado por paulozananar às 12:51
    link do post | comentar | favorito
    Sexta-feira, 2 de Março de 2007

    Saúde - Tabaco proibido em bares, restaurantes e discotecas

    E à terceira foi de vez. O Governo aprovou ontem em Conselho de Ministros a nova legislação sobre o tabaco. A terceira versão, que surge quase um ano depois da proposta de lei inicial, proíbe o fumo em restaurantes, bares e discotecas com menos de cem metros quadrados e dá a possibilidade aos estabelecimentos com uma área superior de criar salas de fumo, desde que não ultrapassem 30% do total.

    O projecto será agora remetido à Assembleia da República. E, depois de aprovada a lei, haverá um período de um ano para os estabelecimentos se adaptarem. O Ministério da Saúde chegou a admitir que este tempo poderia ser de alguns anos, ou mesmo que seria dada a opção aos proprietários de escolherem se teriam fumadores ou não dentro das suas instalações. Mas acabou por decidir pela versão inicial, mais restritiva. Isto porque, de acordo com o ministro da Saúde Correia de Campos, não faria sentido apontar para a entrada em vigor da lei depois do fim da legislatura do Governo.

    De acordo com os dados da Associação Portuguesa de Restauração e Similares, mais de 90% dos estabelecimentos existentes no País têm menos de cem metros quadrados (cerca de 81 mil). O que deixa aos consumidores de tabaco apenas a pos- sibilidade de fumar em 10% dos restaurantes, e isto se os proprietários optarem por criar salas de fumo.

    No caso dos locais de trabalho, poderão também ser criadas salas para fumadores, tal como nos centros comerciais, desde que respeitem as regras para uma circulação de ar autónoma. A restrição total do tabaco é aplicada às instituições da administração pública, como as de ensino e de saúde, transportes públicos e estabelecimentos frequentados por menores. Nas instituições de ensino, apenas as do superior poderão criar espaços para fumadores.

    Ontem, em conferência de imprensa, o ministro afirmou que há dois grandes objectivos com a proposta. Proteger os não fumadores (que são cerca de 70% da população) e os mais jovens. Por isso, confirma-se a restrição de venda a menores de 18 anos e a existência de um maior controlo da compra de maços nas máquinas automáticas, que terão de ter bloqueadores que obriguem os r esponsáveis a saber previamente a quem vendem tabaco.

    A proposta de lei integra também novas regras para os maços de cigarros, com mensagens e imagens a alertarem para os perigos nefastos para a saúde do consumo destes produtos.

    E quem fiscaliza a aplicação da nova lei? Segundo o ministro, todos nós. "Certamente há coimas, mas as sanções serão sociais", disse. Ou seja, os não fumadores ficarão com a responsabilidade de denunciar as infracções.

    De acordo com o ministro, uma vez licenciadas as salas de fumo - em restaurantes, nos postos de trabalho ou nos outros locais onde será possível instalá-las - "passa a haver um controlo social implícito dos 70% da população que não é fumadora". "Não estamos numa sociedade infantil, estamos numa sociedade adulta", disse. O ministro não quis especificar as coimas que estão previstas, nem se serão aplicadas aos prevaricadores ou aos proprietários dos estabelecimentos.

    Cabe agora à Assembleia da República iniciar o processo legislativo que colocará Portugal em sintonia com a linha de países como os EUA, Irlanda, Itália ou Inglaterra, que já proibiram o fumo nos locais públicos, em nome da saúde.

    Rute Araújo in www.dn.sapo.pt

    tags:
    publicado por paulozananar às 16:04
    link do post | comentar | favorito

    Desporto Motorizado - Espanha GT - Manuel Gião sagra-se vice-campeão na Catalunha

    undefinedManuel Gião conquistou o título de vice-campeão de Espanha de GT, apesar de uma última jornada azarada, em que o seu companheiro de equipa, Lucas Guerrero, se despistou, numa altura em que pressionava o líder da corrida.

    O resultado, porém, acaba por ser muito positivo para o português, visto que chegou ao segundo lugar logo na sua época de estreia. " Apesar de todos os azares sofridos ao longo do ano posso considerar--me satisfeito e orgulhoso", justificou o piloto da Gear Up Motorsport que, nesta última corrida no Circuito da Catalunha, acabou por terminar no 12.º lugar, com o Mosler MT900R "a trabalhar em sete cilindros e com um problema de sobreaquecimento, que se foi agravando ao longo da prova".

    A última corrida foi ganha pelo italiano, vencedor do campeonato,Gianbattista Giannocaro (Ferrari 360 Modena Challenge), com os portugueses Manuel e Pedro Mello Breyner (Porsche GT3 RSR) a subirem ao terceiro degrau do pódio e a assegurarem, respectivamente, os quinto e sexto lugares do campeonato.

    publicado por paulozananar às 15:39
    link do post | comentar | favorito

    Desporto - ATLETISMO - Vanessa Fernandes superior na corrida

    Fotos de provasVanessa Fernandes venceu destacada a derradeira etapa da Taça do Mundo, na Nova Zelândia. A portuguesa superiorizou-se na última das três disciplinas - 1500 m de natação, 40 km de ciclismo e 10 km de corrida -, às australianas Annabel Luxford e Emma Snowsill, que cortaram a meta com mais 13 segundos e 1.20 minutos, respectivamente. A portuguesa assegurou a terceira posição final na Taça do Mundo, ganha por Annabel Luxford, seguida de Emma Snowsill. A outra portuguesa em prova, Anaís Moniz, campeã do mundo de juniores, terminou na 23.ª posição. Em masculinos, o triunfo foi para o neozelandês Bevan Docherty, que partilhou o pódio com o compatriota Kris Gemmell e com o dinamarquês Rasmus Henning. O americano Hunter Kemper, ontem quarto, venceu a Taça do Mundo.

    tags:
    publicado por paulozananar às 15:08
    link do post | comentar | favorito

    Desporto - FUTEBOL - CAF: Manuel José eleito treinador do ano e repete glória junto ao Nilo

    undefinedO português Manuel José foi eleito como melhor treinador a actuar em África, durante a gala da Confederação Africana de Futebol (CAF), que também escolheu para melhor jogador africano o costa-marfinense Didier Drogba, do Chelsea.

    Era esperada, nesta festa do futebol africano, realizada em Accra, a escolha do técnico português, que tem levado o Al Ahly, do Egipto, a uma série de vários sucessos, tanto a nível local como nas competições continentais.

    O Al Ahly foi também esperado ganhador na categoria de clube e coloca três elementos na selecção ideal do ano de 2006.

    Drogba, o artilheiro do Chelsea, sucede ao camaronês Samuel Eto'o, do Barcelona, vencedor nos três anos anteriores, levando pela primeira vez o troféu para a Costa do Marfim.

    A dez dias de completar 29 anos, Drogba está no pico da sua carreira como jogador, tendo sido peça fulcral no sucesso dos ingleses do Chelsea, clube campeão de Inglaterra nas duas últimas épocas.

    O poderoso costa-marfinense - 1,88 metros e 75 kg - chegou a Londres em Julho de 2004, depois de sete épocas em França, onde alinhou sucessivamente ao serviço de Le Mans, Guingamp e Marselha.

    Além das duas conquistas da Liga inglesa tem já duas Taças da Liga e uma Community Shield, pelo Chelsea, tendo chegado à final da taça UEFA com o Marselha.

    Em 2006 foi pela sua selecção finalista derrotado na Taça Africana das Nações (CAN).

    Drogba ganhou a uma concorrência de grande nível, sendo os outros dois finalistas Eto'o, mais uma vez, e o ganês Michael Essian, companheiro de Drogba no Chelsea.

    O egípcio Mohamed Abou Treka, médio do Al Ahly, recebeu o prémio de melhor jogador nas competições africanas de clubes e o prémio para melhor selecção nacional foi para o Gana.

    A Nigéria arrecadou dois prémios - melhor sub-23, para Taiwo Taye, do Marselha, e melhora jogadora, para Cynthia Uwak.

    É o treinador com mais jogos na primeira divisão portuguesa (560), mas em Portugal faltou-lhe sempre subir o último degrau numa carreira preenchida o sucesso num grande clube ou na selecção.

    Mais do que falta de oportunidade, Manuel José pode queixar-se do desacerto dos timings treinou o Sporting, por duas vezes na década de 80, numa época em que o clube de Alvalade era o aristocrata desacreditado do futebol português; entrou no Benfica, em 1996, quando o clube da Luz vivia a voragem dos primeiros anos de uma crise que só o último campeonato conseguiu estancar; chegou até a estar com os dois pés na selecção nacional depois do desastre português no Mundial 2002, mas uma cartada de última hora de Gilberto Madaíl para acalmar uma contestação generalizada fez cair por terra o pré-acordo em favor da contratação do campeão do mundo pelo Brasil, Luiz Felipe Scolari. A felicidade estava, afinal, mais a sul. Noutro continente. Manuel José encontrou-a no Al-Ahly, do Egipto, com o qual se sagrou este sábado campeão africano, pela segunda vez.

    O Al-Ahly é o Real Madrid de África, como o treinador algarvio (nascido em Vila Real de Santo António, há 59 anos) se orgulha de salientar. Eleito o melhor clube africano do século XX, oferece a Manuel José uma condição que dificilmente poderia encontrar até em qualquer um dos três grandes portugueses. O excesso e a extravagância cultivados pela sociedade egípcia, que tem no futebol uma das suas maiores paixões, retribuem com juros ao técnico a grandeza que sempre lhe fugiu por entre os dedos em Portugal. Com cerca de 70% dos 16 milhões de habitantes do Egipto como adeptos do Al-Ahly, o ego de Manuel José é constantemente alimentado por banhos de afecto sempre que sai à rua. Uma vez, conta, chegou a estar meia hora retido no meio da estrada para dar autógrafos quando foi reconhecido por outro condutor. Por isso, prefere passar o tempo entre a sede do clube e o 20.º andar do luxuoso Hotel Marriott, onde vive com a mulher Eugénia num quarto com vista sobre o Nilo.

    A popularidade do técnico responde directamente ao ritmo dos resultados que Manuel José apresenta. E o português tem justificado largamente o estatuto. Já o fizera em 2001, aquando da sua primeira passagem pelo Cairo, quando conquistou a sua primeira Liga dos Campeões africana com o Al-Ahly. Este ano repetiu o feito e construiu números impressionantes. Com a vitória (3-0) sobre os tunisinos do Etoile du Sahel, na segunda mão da final, são já 52 jogos consecutivos sem conhecer a derrota, apagando os registos do anterior campeão egípcio, o Zamalek treinado por outro português, Nelo Vingada (actualmente treina a Académica), que também chegara ao fim do campeonato sem perder um jogo. A rivalidade entre os dois clubes do Cairo é assim uma espécie de Sporting-Benfica elevado à potência. E Manuel José voltou a fazer pender a balança para o prato do Al-Ahly - com este título de campeão africano, o quarto, desafia a superioridade do Zamalek na prova (5 vitórias).

    O técnico operário, produto da comunidade piscatória algarvia, viu abrirem-se-lhe no Egipto as portas da aristocracia. E por isso não surpreende quando afirma que não será fácil abandonar o Cairo nos próximos tempos. Em Portugal, o barómetro do seu sucesso ficou pela média burguesia portuense, onde no início da década de 90 lançou as sementes de um "Boavistão" que viria a consagrar-se na viragem do século. Mas construiu sempre, ao longo de mais de 20 anos e 10 clubes de carreira, um personagem de tons fortes e discurso frontal no futebol português. É o treinador dos 7-1 do Sporting ao Benfica, o mentor das várias noites europeias de um Estádio do Bessa que fez tombar vários grandes europeus e popularizou as camisolas esquisitas do xadrez, o destemido que prometeu um Benfica à Benfica em mês e meio quando entrou na Luz, o guerreiro que se insurgiu contra o "Tarzan" Mourinho que o substituiria em Leiria, o táctico que melhor usou o esquema de três centrais no futebol português.

    A consagração obteve-a nas seculares margens do Nilo. Manuel José vai ser o único treinador português presente no próximo Mundial de Clubes, no Japão, de 11 a 18 de Dezembro.
     

    Diário Digital / Lusa e rui frias em www.dn.sapo.pt

    tags:
    publicado por paulozananar às 14:40
    link do post | comentar | favorito

    .mais sobre mim

    .pesquisar

     

    .Fevereiro 2009

    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab
    1
    2
    3
    4
    5
    6
    7
    8
    9
    10
    11
    12
    13
    14
    15
    16
    17
    18
    19
    20
    21
    22
    23
    24
    25
    26
    27
    28

    .posts recentes

    . Curiosidades - Atraso de ...

    . Importante - 'Homejacking...

    . Curiosidades - Professore...

    . Escola - Ministra rejeito...

    . Curiosidades - Descoberta...

    . Rali- Rali do Japão

    . Saúde - Aftas O que as pr...

    . Importante - Investigador...

    . Importante - FIM aprova A...

    . Ralis - Oportunidade de o...

    .arquivos

    . Fevereiro 2009

    . Novembro 2008

    . Outubro 2008

    . Abril 2008

    . Março 2008

    . Fevereiro 2008

    . Janeiro 2008

    . Dezembro 2007

    . Novembro 2007

    . Outubro 2007

    . Agosto 2007

    . Julho 2007

    . Junho 2007

    . Maio 2007

    . Abril 2007

    . Março 2007

    . Fevereiro 2007

    . Janeiro 2007

    .tags

    . curiosidades

    . desporto

    . desporto motorizado

    . desportos motorizados

    . escola

    . importante

    . informação

    . nutrição

    . ralis

    . saúde

    . todas as tags

    .links

    blogs SAPO

    .subscrever feeds